Mostrando postagens com marcador violência. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador violência. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

APROVADA LEI QUE SEPARA PRESOS POR TIPO DE CRIME

Foto: Comissão de Direitos Humanos
Deu no "Estadão": Foi aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados o Projeto de Lei do Senado que determina a separação de presos pelo tipo de crime que cometeram. O texto nem precisa passar por votação e já vai direto para sanção (ou veto) da Presidente Dilma Roussef.
A Lei, criada por Aloisio Mercadante em 2007, deixa separados os detentos que cometeram crimes hediondos, os que cometem outros tipos de crimes violentos ou com grave ameaça e os que praticaram delitos sem violência, tanto provisórios como condenados. Presos com a integridade física ameaçada, ou que seja uma ameaça a outros, também fica segregado em local próprio. Antes, a divisão era apenas entre presos provisórios e presos condenados (na teoria, claro).
Embora as mudanças sejam consideradas positivas para acabar, por exemplo, com o terror implantado no presídio de Pedrinhas (SE), quando vários presos foram mortos por gangs internas, para a CCJ ainda é preciso manter regimes especiais para os bandidos que tem dificil ressocialização.



sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

UM POUCO DE PAZ PARA O MÃE RAINHA


Um jovem de 23 anos, que há muito tempo vinha aterrorizando os moradores do bairro Mãe Rainha, foi finalmente preso pela Policia Civil na tarde desta sexta-feira (19). O rapaz, que tem diversas passagens, inclusive por tentativa de homicídio, e também é alvo de denúncias que vão desde o envolvimento com o tráfico de drogas a agressões, ameaças e danos ao patrimônio, foi detido durante cumprimento de Mandado de Prisão Preventiva, expedido pelo Juizado da Comarca após pedido devidamente fundamentado do delegado de Poço Fundo, Eder Neves.
Cidadãos de bem da comunidade comemoraram o feito, e acreditam que pelo menos por enquanto poderão andar pelas ruas com uma certa tranquilidade, já que este seria um dos principais responsáveis por intimidações violentas contra os moradores.
Detalhes em nossa próxima edição do JPF.

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

SERVIDOR PÚBLICO SURTA E ACABA PRESO

Um funcionário da Prefeitura de Machado tentou atacar mulheres, roubou doces e salgadinhos e ainda tentou reagir a uma abordagem policial na manhã do último sábado (6). A suspeita é de que o homem tenha tido um surto psicótico, mas ninguém sabe dizer o que poderia ter desencadeado a crise.
O servidor teria começado a série de ataques na Secretaria de Obras. O rapaz entrou no local sem autorização do porteiro e danificou um banheiro. Depois, foi para a avenida Santa Cruz, onde ameaçou mulheres que trabalhavam em uma bomboniere, dizendo que iria agarrá-las, mas em seguida roubou alguns bombons e saiu. A loja de conveniências de um posto de gasolina foi o alvo seguinte. Lá, ele teria simplesmente subtraído um pacote de biscoitos e saído sem dizer nada.
Ao ser abordado pela PM, reagiu e foi preciso usar a força para imobilizá-lo. O suspeito ainda danificou a viatura que o transportava para a Delegacia Regional de Alfenas.
Detalhes em nossa próxima edição da Gazeta Machadense.

terça-feira, 27 de maio de 2014

VIOLÊNCIA VOLTA A ASSOLAR MACHADO


Áreas consideradas de alto índice de violência foram os locais de pelo menos duas ocorrências graves, no início desta semana. Um homem foi alvo de disparos de arma de fogo e outro teve que se defender de um grupo de adolescentes, ferindo três deles com golpes de canivete.
O primeiro crime ocorreu na madrugada de domingo (25), na Rua Oliveira, no bairro Ponte Preta. Um desempregado de 45 anos foi alvejado por vários tiros, efetuados por um desconhecido. Dois projéteis o atingiram. O autor dos disparos fugiu e não foi encontrado. A vítima foi levada para o Pronto Atendimento, onde ficou em observação, mas não corre risco de morrer.
No inicio da noite de segunda-feira (26), um trabalhador autônomo de 26 anos passou por momentos de muito sufoco. Primeiro, ele teve que se defender de um grupo de pelo menos 15 jovens, liderados por um adolescente de 17 anos, que o cercou e passou a agredí-lo com socos, chutes e pedradas nas proximidades de um escadão do bairro Novo Horizonte. O motivo seria uma discussão anterior, de cerca de cinco meses atrás. Depois, o mesmo homem ainda teve que ser protegido pela Policia de amigos e parentes dos agressores, que queriam linchá-lo.
Na primeira confusão, o rapaz fez uso de um canivete para se desvencilhar dos menores e conseguiu atingir três deles. Em seguida, fugiu para a casa de um advogado. O carro dele foi totalmente danificado pelo bando.
Três dos adolescentes foram parar no hospital por conta dos cortes sofridos, e a princípio não queriam dizer à Policia o que havia ocorrido. Os fatos foram esclarecidos depois que uma guarnição localizou o autor das canivetadas. Ele sofreu contusões e escoriações e também foi socorrido. Dois menores ficaram internados, mas não correm risco de morrer. O terceiro, que teria começado toda a confusão, foi liberado e ouviu voz de apreensão em flagrante. O autônomo também foi preso. Ambos foram levados para a Delegacia Regional de Alfenas, para as demais providências.
O ataque do grupo que apoiava os menores infratores se deu durante a escolta dos detidos. Pelo menos cinquenta pessoas queriam linchar o autor/vitima que acabara de escapar das agressões. Os PM´s foram obrigados a agir, usando bastão de madeira para dispersar os exaltados. Depois, nas redes sociais, alguns defensores dos adolescentes brigões ainda publicaram fotos dos que ficaram internados e criticaram a ação da Policia. Todos acabarão tendo que se explicar na Delegacia de Machado quanto às suas atitudes.
Detalhes na próxima edição da Gazeta Machadense.

terça-feira, 15 de abril de 2014

MACHADO CONTRA O CRIME

Membros do Poder Legislativo, Executivo e Judiciário de Machado, com a Policia Civil, a Policia Militar e representantes da população e do empresariado local, se reuniram na sede da Câmara de Vereadores nesta terça-feira (15) para tratar de um tema que tem tomado conta de todas as esferas da sociedade: a violência que tem assustado a todos na cidade. O encontro, promovido a partir de iniciativa da Casa Legislativa, primou pela apresentação de ações concretas a serem desenvolvidas a curto, médio e longo prazo para combater a criminalidade, com base no que cada setor poderia fazer.
Dentre as idéias apresentadas e que em breve poderão ser implementadas, estão a construção de um espaço para acolhimento de menores infratores, notadamente os principais autores de crimes no município, a retomada do funcionamento das câmeras de vigilância, a tomada de espaço pela população de bem, com ações sociais diversas e cessão de espaço público para pequenos comércios e lazer, fiscalização e eliminação de pontos perigosos, como terrenos baldios e várias outras propostas.
O que foi dito na reunião e os detalhes das decisões tomadas você confere na próxima edição de sua Gazeta Machadense.

domingo, 13 de outubro de 2013

VIOLÊNCIA BANALIZADA - 13/10/2013

Hoje em dia, qualquer motivo serve para explosões de violência, sem qualquer importância dada para a vida do ser humano. Foi o que aconteceu na madrugada deste domingo em Poço Fundo, quando um jovem se envolveu em discussões numa casa de eventos e depois foi agredido brutalmente do lado de fora. As marcas ficaram numa esquina próxima ao estabelecimento. Literalmente, voltamos aos tempos das cavernas, ou pior. Talvez já tenha passado da hora de se fazer algo contra essa banalização da violência.