Mostrando postagens com marcador buscas. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador buscas. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 9 de junho de 2015

POLICIA CIVIL E AGENTES PROMOVEM NOVA INTERVENÇÃO NA CADEIA DE MACHADO

Homens do Getap (Grupo de Escolta Profissional), agentes penitenciários de Machado e membros da Polícia Civil local promoveram uma nova limpeza na Cadeia de Machado. A ação teve como objetivo coibir ações ilícitas que há muito tempo vêm sendo cometidas pelos internos e comparsas que vivem do lado de fora da instituição, além de fazer uma varredura completa nas celas. A ação rendeu bons resultados, com a apreensão de vários celulares e drogas. A cobertura completa sobre este fato você acompanha na próxima edição da Gazeta.
Foto: Toninho Rodrigues

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

BANDIDOS QUE ASSALTARAM CARTÓRIO VOLTAM À REGIÃO

A dupla de bandidos que assaltou o Cartório do Décio na última segunda-feira está novamente sendo caçada pela Policia Militar em nossa área. Desta vez,  eles foram impedidos de cometer um assalto em São João da Mata. Perseguidos por policiais de lá e de Poço Fundo, eles abandonaram uma mochila e uma arma, que provavelmente foi a mesma utilizada no roubo cometido por aqui.
Antes de serem descobertos, os meliantes ainda teriam passado pela agência dos Correios do Paiolinho, sem roubar nada. Depois "visitaram" alguns locais da cidade vizinha, também com atitudes extremamente suspeitas. O detalhe é que mesmo assim a PM não foi acionada por nenhum destes pontos. Por sorte, o carro em que eles estavam, o mesmo Pálio preto utilizado na ação em Poço Fundo, passou por uma viatura, que resolveu acompanhá-lo. Então descobriu-se que se tratavam dos mesmos assaltantes e deu-se início à perseguição. Eles conseguiram fugir, mas desta vez a placa do carro foi anotada corretamente: OWF 4911, e acredita-se que com essa informação logo os autores sejam devidamente identificados e presos.
A procura continua, e você terá detalhes em nossa próxima edição do JPF.



sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

AGENTES E POLICIAIS FAZEM "LIMPA" NA CADEIA DE MACHADO

A Policia Civil e agentes penitenciários da Superintendência de Administração Prisional (SUAP) promoveram, durante a manhã desta sexta-feira (30), uma verdadeira devassa na Cadeia Pública de Machado. Sem a possibilidade de vazamento de informações sobre a ação, algo que estaria ocorrendo graças a funcionários corruptos devidamente identificados e presos, o resultado foi uma grande limpeza na instituição, com a localização de drogas, celulares, objetos que poderiam ser utilizados como armas, fios e cordas utilizados para recolhimento de produtos ilícitos e material considerado legal, mas que não poderiam estar nas celas. Até sementes de maconha e comprimidos que podem não ter nada a ver com produtos para uso medicinal foram encontradas.
Como foi o trabalho e todos os detalhes, com fotos exclusivas, você tem na edição deste sábado (31) da Gazeta Machadense.





quinta-feira, 18 de setembro de 2014

POLICIA CIVIL FAZ "LIMPEZA" NA CADEIA DE PARAGUAÇU

Uma operação da Policia Civil literalmente acabou com a festa de detentos da Cadeia de Paraguaçu, nesta quinta-feira (18). Uma revista geral resultou no recolhimento de celulares, drogas e armas.
A ação foi executada sob comando do Delegado Éder Neves, por servidores da Delegacia de Paraguaçu e apoio de policiais civis de Poço Fundo, além de agentes penitenciários da Cadeia de Machado. As buscas foram feitas após denúncias de que, além de manter condutas que não combinavam em nada com as regras que devem ser seguidas dentro de unidades prisionais, os internos estariam, supostamente, ameaçando pessoas do lado de fora.
Durante os trabalhos, foram encontrados uma faca, um estilete, um espeto, uma boa quantidade de maconha e 18 telefones celulares, além de carregadores e outros materiais ilícitos.
Tudo foi devidamente recolhido, e foram instaurados os procedimentos necessários para formalizar a apreensão e apurar os fatos.
A Cadeia de Paraguaçu tem, atualmente, 37 presos (30 homens e sete mulheres), e nove adolescentes apreendidos, além de um número não informado de albergados.