Mostrando postagens com marcador Qatar. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Qatar. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

EMPRESÁRIO NÃO TEM TÍTULO DA REALEZA QATARIANA

O empresário Mohammed Abdul Wahab, que fez uma visita à cidade de Poço Fundo na manhã de terça-feira (17) e está envolvido com projetos de logística em Pouso Alegre, que podem chegar a ter mais de R$ 1 bilhão em investimentos, na verdade não é um príncipe, como até então vinha sendo apresentado.
Ninguém soube explicar até o momento porque o jovem vinha sendo apresentado como membro da realeza do Qatar, e tido como celebridae por onde passava, mesmo tendo a companhia do presidente da Bsquare, Fábio Bendana, que atuava como tradutor da comitiva daquele país nas visitas.
O primeiro órgão de noticias a afirmar que o empresário era príncipe, o site de um canal de TV, já corrigiu a informação.
Nada disso, no entanto, tira a importância da visita realizada pelo grupo de investidores à cidade, principalmente à Coopfam, independente desta estranha confusão.

Obs: Ainda não corrigimos esta informação no site do JPF porque estamos com problemas de acesso.

Mohammed Wahab (centro) foi apresentado como príncipe, mas trata-se na verdade de um grande empresário do Qatar. Ainda não se sabe quem e de que maneira começou a confusão 

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

COOPFAM RECEBE VISITA EMPRESÁRIOS DO QATAR

O empresário Mohammed Abdul Wahab, fez uma visita à cidade de Poço Fundo na manhã desta terça-feira (17). Acompanhado por colegas do seu país, políticos locais, de Pouso Alegre e também do deputado Ulisses Gomes, ele veio conhecer as dependências, a história e os produtos da Coopfam (Cooperativa dos Produtores Familiares de Poço Fundo e região).
Mohammed, que antes da passagem pelas terras barriga-verde participou de reuniões em Pouso Alegre, onde um grupo de investidores do emirado árabe pretende aplicar cerca de R$ 1 bilhão no setor de logística, inclusive com a construção de um aeroporto de cargas, se mostrou muito simpático e afirmou, em entrevista, que se sentiu bem acolhido pelo povo brasileiro, em especial pelos poço-fundenses. Além disso, não descartou a possibilidade de futuramente fazer negócios com a cooperativa gimirinense.

Em tempo: Durante dois dias, muita gente tratou o empresário como príncipe do Qatar, possivelmente graças a uma informação equivocada repassada à Imprensa e aos envolvidos nas reuniões. Ainda não se sabe a origem da falsa notícia, mas estamos investigando o caso e você terá detalhes em nossa próxima edição do JPF.

Mohammed Wahab (2º da esq. para a dir.), é recepcionado, com sua comitiva, pelo presidente da Coopfam, Clemilson

Empresário acompanhou atentamente as explicações sobre prova de café, feita por funcionários da cooperativa

Um click com a diretoria e colaboradores antes da despedida